Aventuras e desventuras dos professores, formadores, contratados ou a recibos-verdes que leccionam na Escola Pública, Profissionais, Colégios, IEFP's, Casa Pia, TEIP's em cursos de UFCD's, EFA's, EFJ's, CNO's, AEC's PIEF's, ...

Aceitam-se contributos: eanossaescolinha@gmail.com



domingo, 13 de fevereiro de 2011

SE A IMBECILIDADE PAGASSE IMPOSTO, JÁ TÍNHAMOS SAÍDO DA CRISE

Quando li a resposta emanada pelo Ministério da Educação à pergunta relativa à extinção do par pedagógico em EVT endereçada ao deputado José Luís Ferreira (PEV), comecei por jurar que não ia comentar nada. Acreditem ou não, eu tenho mesmo mais que fazer que dissertar sobre imbecilidades...mas há qualquer coisa em mim que insiste em não deixar passar em branco certos episódios que envolvem a nossa classe política...

Portanto, quanto à extinção do par pedagógico na disciplina de EVT, onde turmas com 28 meninos do 2º ciclo manuseiam material como martelos, pregos, agulhas, x-actos, tesouras ou vidros, e relativamente à falta de segurança que pode advir por se retirar um segundo professor da sala de aula, é esta a resposta do ministério:

"O Ministério da Educação considera que desta alteração curricular não deverá resultar qualquer diminuição do grau de segurança dos alunos nas aulas de Educação Visual e Tecnológica, devendo as escolas e os docentes tomar as medidas adequadas a um manuseamento seguro de ferramentas e materiais utilizados nas actividades lectivas a realizar em sala de aula"

E eu, que leio tanta coisa oca, devo dizer que esta última frase ganha sem dúvida o prémio Olha Como Responder a Tudo Sem Dizer Nada Nem Apontar Directivas ou Soluções. Tentem lá responder às questões seguintes com "O Ministério da Educação considera que desta alteração (...) não deverá resultar qualquer diminuição do grau de segurança dos alunos nas aulas (...), devendo as escolas e os docentes tomar as medidas adequadas (...) em sala de aula":

- Chove no ginásio e o chão está escorregadio?

- Os alunos e os professores foram feitos reféns por um grupo de pais alucinados?

- Uma cegonha morreu entalada na hotte do laboratório de química e verifica-se a concentração de gases perigosos?

Dá, não é?

É demasiada incompetência para ser verdade. Mantenho a minha que o pessoal do ME tem um sentido de humor completamente inviesado e que choram a rir enquanto inventam estas pérolas. Até parece que os consigo ver a correr de gabinete em gabinete, durante o horário de expediente, a ver quem consegue escrever a frase mais anormal.

E não consigo deixar de me sentir alvo de chacota.

3 comentários:

Pica-Mula disse...

Eu diria mais:

i) A culpa é do professor responsável e que acompanha a turma!

ii) A turma é o reflexo do DT!!

É a vidinha!!!

Hortelã-pimenta disse...

Com tantos Chicos-espertos o melhor mesmo é começarmos a pensar tirar um bom Mestrado em Sobredotação. E com as metas para 2015... é mesmo uma boa aposta na formação dos professores.

OlhóTaxo disse...

Que saudades, essa da turma ser o reflexo do DT!